Jaime Santos Latasa defronta nº 1 mundial no San Fermin Masters Mundial

SAN FERMIN MASTERS MUNDIAL
Jaime Santos Latasa jogador da A.XAT  -Montemor-o-Novo e do Club Ajedrez Mérida da Extremadura vai disputar nos dias 10 e 11 de Julho o Masters Final San Fermin, com transmissão em direto no chess24.
Será um torneio fechado de 8 jogadores em formato knockout,  quatro  convidados: o atual campeão do mundo Magnus Carlsen (NOR) e nº 1 do ranking mundial, Ding Liren (CHI) nº 3 do ranking mundial, Levon Aronian (ARM) nº 5 do ranking mundial e  Wesley So (EUA) nº 9 do ranking mundial.
Os outros quatro foram apurados através de vários torneios: Nordibek Abdusattorov (UZB) e vencedor da International Arena, Eduardo Iturrizaga (ESP) e vencedor da National Arena, Liem Quang Le (VIE) e vencedor do Banter Blitz Cup e o nosso GM Jaime Santos Latasa (ESP) qualificado através do campeonato Iberoamericano.
A prova será jogada num ritmo 3min+2seg por cada lance.
Cada match consiste em 8 partidas, o primeiro jogador a alcançar 4,5 pontos ganhará. Em caso de empate, mais duas partidas serão jogadas para determinar o vencedor. Se tudo continuar empatado a 5-5, será jogada uma partida em formato Armaggedon para determinar quem será o vencedor.

Francisco Veiga faz história em Montenegro…

Francisco Veiga jogador sub 18 da A.XAT – Montemor-o-Novo, participou no 11º Campeonato do  Mediterrânico realizado entre 19 de junho e 26 de junho em  Montenegro.

Terminou com um brilhante 11º lugar, com 6 pontos em 9 possíveis, e uma norma de Mestre Internacional, tornando-se assim num dos protagonistas da prova entre os 128 participantes.

O mestre FIDE português José Francisco Veiga conseguiu, à oitava jornada do Campeonato do Mediterrâneo, obter a segunda norma de mestre internacional da carreira, ficando a apenas uma de subir no degrau da hierarquia do mundo do xadrez.
Na oitava ronda, Veiga, de 18 anos, bateu o grande mestre Zvonko Stanojoski, da Macedónia do Norte, passou a somar 6 pontos (em oito possíveis) e, além de subir ao quarto lugar da classificação geral, ganhou a possibilidade de atingir também uma norma de grande mestre, caso vence-se  a nona e última jornada da prova.
Este foi mais um sucesso de José Francisco Veiga frente a um jogador mais cotado (2376 do português frente aos 2424 do adversário), que fez subir a performance do xadrezista da A.XAT Montemor-o-Novo para os 2540 pontos Elo, com um ganho de 36,4 pontos, que o faz subir da barreira dos 2400.
Na difícil nona e última ronda, Francisco Veiga procurava ainda a norma de grande mestre e um hipotético lugar no pódio final e, jogando de brancas, arriscou tudo no duelo frente a Zelcic, jogador de 2529 pontos Elo, mas saiu derrotado. De todas as formas, ao somar 6 pontos em 9 jornadas, e defrontando quase sempre adversários mais cotados, o recente vencedor do Torneio Nacional de Mestres, que entrou neste campeonato cotado com 2376 pontos Elo, logrou uma performance de 2492 pontos, foi o melhor jogador com 6 pontos e ganhou 30,4 pontos para o Elo, o que lhe permitirá figurar na próxima lista internacional (de 1 de julho) acima dos 2400, algo muito prometedor para um jovem de 18 anos.

Campeonato Europeu Híbrido

Dos cinco xadrezistas da A.XAT – Montemor-o-Novo envolvidos no Campeonato Europeu Híbrido de Qualificação para a Taça do Mundo, apenas o espanhol Jaime Santos Latasa consegui o apuramento para a 3ª eliminatória.

GM Jaime Santos Latasa – Foto A.XAT

O Grande Mestre Jaime Santos Latasa venceu o 1º jogo e empatou o 2º, com o Mestre Internacional Macedónio Nikola Nikolovski, avançando na prova com vitória e 1,5 – 0,5.

Na 3ª eliminatória terá como adversário o russo Nikita Afanasiev (ELO 2522).

Na seleção Portuguesa , Paulo Dias, Pedro Rego, Francisco Veiga e Bruno Martins da A.XAT – Montemor-o-Novo deixaram boa impressão, perante adversários mais cotados, numa experiência positiva nesta nova forma da prática da modalidade, que junta o xadrez presencial com o xadrez online.

Os Mestres FIDE José Francisco Veiga e Bruno Martins, ambos de 18 anos, empataram as duas partidas em ritmo clássico (jogadas nos dias 24 e 25 de maio) e decidiram os respetivos matches no tiebreak, com partidas em ritmo acelerado.

Frente ao Grande Mestre georgiano Levon Petusala, jogador cotado com 2533 pontos Elo, Francisco Veiga empatou os dois jogos em ritmo clássico sem grandes problemas e entrou com boas opções para o desempate, mas foi derrotado na primeira partida, na qual jogava de brancas, e comprometeu as possibilidades de eliminar o forte adversário. O segundo duelo do desempate terminou empatado.

Bruno Martins, que defrontou o Grande Mestre húngaro Benjamin Gledura (2633 pontos Elo), foi o jogador português que esteve mais perto de seguir para a segunda ronda e o sucesso podia ter acontecido na segunda partida em ritmo clássico, na qual o jovem jogador luso falhou uma boa oportunidade num final de torres e permitiu o empate. No tira-teimas registou-se um empate na primeira partida e Gledura acabou por impor-se no segundo duelo, salvando-se de um match que esteve perdido.

O Mestres Internacionais Paulo Dias e o Mestre FIDE Pedro Rego  foram eliminados após os matches da primeira ronda. Paulo Dias tinha obtido um excelente empate no primeiro dos dois encontros frente ao ex-campeão europeu Alexander Motylev (2641) e deu enorme luta ao jogador russo na segunda partida, mas acabou por ceder num final de qualidade a menos (cavalo por torre).  Pedro Rego, o jogador com maior diferença de Elo nos diversos confrontos, foi derrotado nas duas partidas da primeira ronda, frente ao forte grande mestre húngaro Imre Hera (2610).

IM Nikola Nikolovski  – 2443 (Macedónia,MI, 2443) – GM Jaime Santos Latasa -2608 (Espanha,GM, 2608) 0,5-1,5 (0-1; -0,5; 0,5-0,5)

Paulo Dias (Portugal, MI, 2343)-Alexander Motylev (GM, Rússia, 2641), 0,5-1,5 (0,5-0,5; 0-1).

Bruno Martins (Portugal, MF, 2359)-Benjamin Gledura (Hungria, GM, 2633), 1-1 (0,5-0,5; 0,5-0,5; 0,5-1,5 no tie-break (0,5-0,5 e 0-1).

Pedro Rego (Portugal, MF, 2222)-Imre Hera (Hungria, 2610), 0-2 (0-1; 0-1)

Sérgio Rocha (Portugal, MI, 2340)-José Jerez Ibarra (Espanha, GM, 2558), 0,5-1,5 (0-1; 0,5-0,5).

José Francisco Veiga (Portugal, MF, 2376)-Levon Pentusala (Geórgia, GM, 2553), 1-1 (0,5-0,5; 0,5-0,5); 0,5-1,5 no tiebreak (0-1 e 0,5-0,5).

Os jogadores da A.XAT – Montemor-o-Novo iniciaram hoje o Torneio Europeu Híbrido.

Os jogadores da A.XAT – Montemor-o-Novo iniciaram hoje o Torneio Europeu Híbrido, 1ª eliminatória de qualificação (de 36 jogadores) para a Taça do Mundo.
FM Francisco Veiga – Foto FPX
O Grande Mestre Jaime Santos Latasa representando a seleção espanhola venceu o Mestre Internacional macedónio Nikola Nikolovski, partindo em vantagem para o segundo jogo.
GM Jaime Santos Latasa – Foto A.XAT
Na seleção portuguesa, o MI Paulo Dias empatou com o Grande Mestre russo, Alexander Motylev, 115 do Ranking Mundial.
Francisco Veiga e Bruno Martins garantiram também um empate nos seus jogos, contra o GM Georgiano, Levan Pantsulaia e o GM hungaro, Benjamim Gledura, respetivamente.
FM Bruno Martins – Foto FPX
O Mestre Fide Pedro Rego, perdeu o confronto com o Grande Mestre hungaro, Imre Hera, no jogo mais desequilibrado em termos de ELO.
Amanhã às 12:00 será disputada a “2ª mão destes encontros”.
IM Paulo Dias e FM Pedro Rego – Foto A.XAT
IM Nikola Nikolovski – 2443 (MKD) – 0 – 1 – GM Jaime Santos Latasa -2608 (A.XAT – ESP)
IM Paulo Dias – 2343 (A.XAT – POR) 0,5 – 0,5 GM Alexander Motylev – 2641 (RUS)
FM Bruno Martins – 2359 (A.XAT – POR) -0,5 – 0,5 GM Benjamim Gledura – 2643 (HUN)
FM Pedro Rego – 2222 (A.XAT – POR) – 0 – 1 GM Imre Hera – 2610 (HUN)
FM José Francisco Veiga –2376 (A.XAT – POR) – 0,5 – 0,5 – GM Levan Pantsulaia – 2553 (GEO).
As partidas de desempate consistirão em 2 jogos com cor reversa, com controle de tempo de 10 minutos + 3 segundos de incremento por jogada.
Se a pontuação ainda estiver empatada após os desempates, o vencedor da partida será decidido em um jogo de Armagedom. As meias finais do apuramento jogam-se na quarta-feira, dia 26 de maio 2021.

O Grande Mestre Neuris Delgado Ramirez é jogador da A.XAT – Montemor-o-Novo.

O tetracampeão do Paraguai e atual campeão paraguaio, GM Neuris Delgado Ramirez, nº 161 do Ranking do Mundial (2622 ELO) é jogador da A.XAT – Montemor-o-Novo.
Grande Mestre desde 2002, representou as cores cubanas nas Olimpíadas de Xadrez em 2002, 2004 e 2006.
Desde 2014 a defender as cores do Paraguai, jogou as Olimpíadas de Xadrez de 2014, 2016 e 2018, representou ainda este país sul-americano na Taça do Mundo em 2017 e 2019.
No seu currículo consta um 3º lugar Campeonato Continental de Xadrez (Medellin, Colômbia) 2017, Classificado para a Taça do Mundo, e ainda o título de Vice-campeão Continental das Américas 2019.
Campeão do Super Magistral Szmetan Giardelli, Buenos Aires 2019

Jogadores da A.XAT – Montemor-o-Novo chamados à Seleção Nacional Portuguesa e à Seleção de Espanha.

Quatro jogadores da A.XAT – Montemor-o-Novo chamados à Seleção Nacional Portuguesa e um à Seleção de Espanha.
Paulo Dias, Francisco Veiga, Bruno Martins e Pedro Rego são 4 dos 5 jogadores que vão representar a Seleção Portuguesa e Jaime Santos Latasa vai representar a seleção Espanhola no Europeu de Xadrez Híbrido (1ª eliminatória), com vista ao apuramento para a Taça do Mundo a ser disputada em formato presencial na Rússia em julho de 2021.
IM Paulo Dias, FM Francisco Veiga, FM Bruno Martins e FM Pedro Rego – Foto A.XAT
Dia 24 de maio entram em ação os xadrezistas da A.XAT -Montemor-o-Novo em busca da vitória na 1ª eliminatória do Campeonato Europeu Híbrido, não será uma tarefa fácil devido ao fortíssimo leque de jogadores presentes em competição.
GM Jaime Santos Latasa – Foto A.XAT
O sorteio foi não foi muito favorável aos portugueses e ditou os seguintes encontros para 1ª eliminatória:
GM Alexander Motylev – 2641 (RUS) – IM Paulo Dias – 2343 (POR)
GM Benjamim Gledura – 2643 (HUN) – FM Bruno Martins(2359POR)
GM Imre Hera – 2610 (HUN) – FM Pedro Rego – 2222 (POR)
GM Jose Ibarra Jerez – 2558 (ESP) – IM Sérgio Rocha – 2340 (POR)
GM Levan Pantsulaia – 2553 (GEO) – FM José Francisco Veiga –2376 (POR)
Os jogos dos portugueses serão transmitidos no site da Federação Portuguesa de Xadrez no dia 24 de maio a partir das 13:00.
Relativamente ao nosso representante na seleção de Espanha, o sorteio ditou um adversário da Macedónia do Norte:
GM Jaime Santos Latasa -2608 (ESP) – IM Nikola Nikolovski – 2443 (MKD).

A.XAT – Montemor-o-Novo recebeu quatro prémios, na 14ª edição da Gala do Desporto do Alentejo Central.

A A.XAT – Montemor-o-Novo recebeu quatro prémios, na 14ª edição da Gala do Desporto do Alentejo Central, por vencer a Taça de Portugal e o Campeonato Nacional da 1ª Divisão na época 2018/2019, a Supertaça e o título de Vice Campeão Nacional da 1ª Divisão, época 2019/2020.
Um obrigado a todos os que contribuíram para estes títulos: Manuel Pérez Candelário, Jaime Santos Latasa, Paulo Dias, Pedro Rego, José Miguel Ribeiro Bruno Martins, Francisco Veiga, Grigory Oparin, Rui Dâmaso, Luís Nuno Barrigoto, Afonso Rodrigues, Marco Oliveira, Miguel Silva, Pedro Barata, Fernando Silva, Carlos Dantas, Daniel Forcén Esteban, Gustavo Leal, Samuel Leite, Paulo Manso, Iván Cabezas, João Cordeiro, Tiago Silva, Carlos Ferreira, Ricardo Martins, António Vasques, Diana Nogueira e Duarte Ribeiro.

14ª. Gala do Desporto do Alentejo Central

A CIMAC – Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central e os seus municípios associados, realiza com o apoio do município de Portel, a 14ª. Gala do Desporto do Alentejo Central.
O principal objetivo da Gala é a valorização da prestação desportiva dos “Campeões Alentejanos” que, alcançaram posições cimeiras na panorâmica nacional, nas mais diversas modalidades nas épocas desportivas de 2018/2019 e 2019/2020.
A A.XAT – Montemor-o-Novo recebe 4 prémios, por vencer a Taça de Portugal e o Campeonato Nacional da 1ª Divisão na época 2018/2019 e a Supertaça e o título de Vice Campeão Nacional da 1ª Divisão, época 2019/2020.